Concurso da Guarda Civil Municipal segue com inscrições abertas neste mês

Publicado em

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Continuam abertas as inscrições para o concurso da GCM (Guarda Civil Metropolitana) de Campo Grande. O concurso oferece 273 vagas e salário de 1.690,02 + auxílio alimentação no valor de R$ 294. As inscrições seguem até às 23h59min, horário de MS, do dia 28 de fevereiro de 2021.

Conforme o edital, a prova objetiva de conhecimentos está prevista para ser realizada no dia 16 de maio de 2021, das 8h30min às 12h30min. Também serão capacitados 200 CGMs para uso de armamento letal e mais outros 200 para utilizar a pistola de condutividade elétrica (armamento não letal).

De acordo com o prefeito Marquinhos Trad (PSD), o projeto de ampliação do Centro Integrado de Controle Operacional da Prefeitura prevê a instalação de câmeras de videomonitoramento em todas as regiões da cidade. Mais 100 câmeras serão compradas em parceria com a bancada federal, por meio de emendas parlamentares. Para auxiliar as ações de vigilância e monitoramento, a prefeitura fará a aquisição de dois drones.

“As câmeras auxiliam no combate a pequenos delitos, na prevenção ao aliciamento de crianças e adolescentes para o tráfico e uso de droga; proporcionam maior sensação de segurança e efetividade nas ações de segurança, além de garantir economia aos cofres públicos”, frisa Marquinhos.

Investimentos

A Prefeitura investiu no aumento da frota, de 57 em 2017, para 97 em 2020, a quantidade de viaturas. Com relação ao quantitativo de armamento letal, o salto foi de 275 em 2017, para 500 em 2020. Esse aumento foi possível, segundo a prefeitura, por conta de novas aquisições e doações recebidas. Foi possível criar programas de patrulhamento escolar, rondas ostensivas nos bairros e também em eventos realizados na cidade.

Para 2021, serão adquiridas mais 30 novas viaturas com recursos do Finisa e emendas parlamentares. Além disso, a Prefeitura fará a compra de mais uniformes e armamento letal e não letal.

Os guardas conquistaram o plano de salários e carreiras; cursos e capacitações que habilitaram o efetivo para manuseio e porte de arma de fogo; qualificação para melhoria no atendimento à população e formação de novos agentes para atuação no trânsito da Capital e ações voltadas para o bem estar animal. Atualmente, o efetivo da GCM é formado por 1100 agentes.

Os moradores das sete regiões de Campo Grande tiveram a segurança de seus bairros reforçada com a chegada das gerências operacionais da Guarda Civil Metropolitana.  Com bases em todas as regiões, a guarda passou a atuar em conjunto com a população, que participa da vigilância e pode contar com efetivo permanente sempre que precisar.

As gerências foram implantadas efetivamente em 2017, com a lei municipal 5.793, de 3 de janeiro de 2017, que reestruturou toda a parte administrativa da Prefeitura de Campo Grande.  A lei criou o Gabinete de Gestão Integrada, que tem por objetivo garantir a participação da comunidade em geral nas discussões sobre segurança pública. Hoje, líderes de bairros e presidentes de associações se reúnem com autoridades da segurança pública para tratar de assuntos relacionados a problemas de segurança dos seus bairros.

A Guarda também se reestruturou e hoje é efetiva em áreas bastante sensíveis. Na Casa da Mulher Brasileira, 30 guardas atuam na proteção à mulher vítima de violência. A Patrulha Ambiental auxilia na proteção aos animais e o Grupo de Pronta Intervenção atua em operações especiais. Treinados pela Polícia Federal e Exército, eles reforçam a segurança em Campo Grande.

A reestruturação e atuação mais efetiva da Guarda já pode ser observada em números. Dados do relatório de 2019 da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública apontam uma redução de 66,7% em roubo seguido de morte; 58,3% em roubo em via pública e 36,9% no número de roubos a estabelecimentos comerciais em Campo Grande.

Com o advento da Covid-19, e a partir da decretação das medidas restritivas e das regras de controle impostas, a Sesdes tem mobilizado todo o seu efetivo no sentido de também realizar plenamente todas as competências organizacionais no esforço de contribuir no combate da pandemia. Somente em 2020, a Guarda Civil Metropolitana realizou 95.882 rondas preventivas motorizadas nas sete regiões e nos distritos da capital.

A inscrição será feita somente pela internet, clicando aqui, no ambiente do candidato, onde estarão disponibilizados para impressão o boleto bancário, além deste Edital e seus anexos, que contêm toda a regulamentação do Concurso, cabendo ao candidato observar os seguintes procedimentos.

Edital no Diogrande confira

https://diogrande.campogrande.ms.gov.br/download_edicao/7429-SUPLEMENTO%20I-6151-SUP6151_15_12_2020.pdf

Mais Artigos

CEREST realiza live sobre doenças ocupacionais

No 23 de fevereiro (terça-feira), às 9hs, o Centro de Referência Regional de Saúde do Trabalhador irá realizar uma live, com o tema “Doenças Ocupacionais e outras alterações