OMS diz que desenvolvimento de vacina contra coronavírus deve demorar mais de 18 meses

Publicado em

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Organização Mundial da Saúde anunciou um estudo que analisará a segurança e a eficácia de quatro medicamentos diferentes contra a Covid-19.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou nesta sexta-feira (27) que o desenvolvimento da vacina contra coronavírus deve demorar mais de um ano e meio.

“A vacina ainda está há pelo menos 18 meses. Enquanto isso, reconhecemos que há uma necessidade urgente de terapêutica para tratar pacientes e salvar vidas”, disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus.

O diretor-geral informou durante coletiva de imprensa que um grupo de pacientes participarão de uma pesquisa chamada de “Estudo de Solidariedade”, “que comparará a segurança e a eficácia de quatro medicamentos diferentes ou combinações de medicamentos contra a Covid-19”, disse.

“Nós só estamos apenas começando a luta contra o coronavírus. Precisamos manter a calma, permanecer unidos e trabalhar juntos”, complementou Tedros.

A diretora-técnica da OMS, Maria van Kerkhove, afirmou que “mais de uma dúzia de países” estuda o desenvolvimento da vacina e qual medicamento é mais eficiente para tratar os infectados por Covid-19.

Também está em desenvolvimento um estudo sistemático de dados para analisar como a infecção se manifestou nos diferentes países e nos grupos de diferentes idades, já que a morte de crianças também foram registradas na China.

Mais Artigos

Corumbá Apoia Ladário e Com Fumacê em Bairros Com Suspeita da Dengue Dias 07 e 08 de fevereiro a Secretaria de Saúde de Corumbá, em parceria com o

VACINAÇÃO CONTRA H1N1 ATINGE 98,60%

Cerca de 35.909 pessoas em Corumbá foram vacinadas contra H1N1. Apesar de a meta geral ter sido atingida, a imunização de crianças de 2 a 4 anos foi