Famoso por furtar gado de vizinhos há 12 anos, homem é preso ao ser flagrado desossando touro em casa

Publicado em

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Polícia diz que já vinha investigando suspeito após dezenas de boletins de ocorrência, quando o gerente de uma fazenda encontrou com ele no caminho para a sede e desconfiou do crime em MS.

Um homem de 44 anos foi preso ao ser flagrado desossando um touro na casa dele, na noite dessa quinta-feira (8), em Ribas do Rio Pardo, a 97 km de Campo Grande. Segundo a polícia, ele foi preso da mesma forma no ano de 2008 e era “famoso” por cometer este crime na região.

“Ele foi preso em flagrante no ano de 2008 e a condenação transitou em julgado e se encerrou em 2018. Na época, foi decretada a prisão preventiva dele. Nós estávamos novamente o investigando, após dezenas de boletins de ocorrência pelo crime de abigeato, no qual tínhamos forte suspeita de ser ele novamente”, afirmou ao G1 o delegado Bruno Santacatharina, responsável pelas investigações.

Ao investigar os fatos, o delegado diz que várias pessoas na cidade comentavam sobre o suspeito. No entanto, não havia provas da reincidência no crime. “Foi aí que o gerente de uma fazenda, que fica a 7 km da cidade, estava retornando para a sede. Ele cruzou com o autor no sentido contrário, percebendo que a caminhonete estava bem baixa e poderia estar carregada de carne”, contou.

Perícia fez comparações e apontou que caminhonete é a mesma que foi na fazenda de vítima — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Perícia fez comparações e apontou que caminhonete é a mesma que foi na fazenda de vítima — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Já na fazenda, ele notou a falta de animais e viu os rastros de caminhonete, acionando a Polícia Civil. “Nós fomos até a casa dele e escalamos o muro, momento em flagramos ele desossando um touro. Ele foi confrontado e confessou o crime, porém, sem dar muito detalhes. Em seguida, nos levou até o lixão, onde encontramos carcaças de animais, marcados com as mesmas iniciais do touro”, explicou o delegado.

Ainda conforme a polícia, a perícia criminal também fez comparações e apontou que a roda da caminhonete do suspeito era a mesma que passou pela fazenda de uma das vítimas. O veículo foi encaminhado para a delegacia do município.

Já o suspeito foi autuado em flagrante pelo crime de abigeato. A pena varia de 8 a 10 anos de reclusão.

Mais Artigos

Corte de Momo: Será Nesta Quarta-Feira

Uma grande festa preparada pela Prefeitura de Corumbá, por meio da Fundação da Cultura e do Patrimônio Histórico, vai eleger a Corte de Momo que vai comandar o