MS já tem três casos confirmados de Covid-19 provocados pela variante delta

Publicado em

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

O secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, confirmou nesta segunda-feira (6) que Mato Grosso do Sul já tem casos confirmados de Covid-19 provocados pela variante delta do coronavírus. Segundo ele, dois casos confirmados são em Campo Grande, um homem de 22 anos e uma mulher de 51 anos e 1 em Ladário, uma mulher de 52 anos.

Resende destacou que Mato Grosso do Sul irá redobrar as ações sanitárias que já estão sendo realizadas com a cooperação dos prefeitos e secretários municipais de Saúde dos 79 municípios do Estado.

“Como a confirmação veio de amostras coletadas no mês de julho, mostra que a variante já está circulando em Mato Grosso do Sul e graças as ações sanitárias vigentes no Estado não teve impacto profundo no número de casos novos do Estado”, disse.

Na quarta-feira o secretário vai se reunir com os prefeitos e secretários municipais de Saúde, juntamente com Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul (Assomasul) e Conselho de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems), para tratar das estratégias a serem tomadas.

“Vamos solicitar aos municípios um empenho para que seja aplicada pelo menos a primeira dose em quem ainda não tomou e aplicar a segunda dose naqueles que precisam completar o esquema vacinal. Para tal, vamos encurtar o prazo para aplicação da D2 da Pfizer para 21 dias”, disse.

As amostras são do monitoramento de rotina feita pelo Central de Saúde Pública (Lacen/MS) como parte das ações de vigilância genômica. As amostras foram coletadas em 23 e 27 de julho deste ano e encaminhadas ao laboratório da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) no Amazonas.

Pacientes infectados com a variante delta têm o dobro de chance de serem hospitalizados em comparação com aqueles que foram infectados pela alfa, que se originou no Reino Unido. Esse é o resultado da análise feita com o sequenciamento genético das amostras de 43 mil pacientes britânicos com a Covid-19, com artigo publicado no dia 27 de agosto pela revista “The Lancet”.


Mais Artigos

Rapaz é morto com tiro no peito

Corpo foi encontrado na rua, ao lado de um carro. Amigo da vítima, que trabalhava com ele em açougue, também teria sido morto por empresário. Suspeito fugiu e