Dono de chácara é autuado em R$ 10 mil por construir tanques de piscicultura e área de lazer em MS

Publicado em

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

De acordo com a Polícia Militar ambiental, obras foram construídas em área de lazer degradando matas ciliares de córrego, em Mundo Novo.

O proprietário de uma chácara, de 54 anos, foi autuado em R$ 10 mil por construir tanques de piscicultura e área de lazer degradando matas ciliares de um córrego, em Mundo Novo, a 463 km de Campo Grande.

Segundo a Polícia Militar Ambiental (PMA), os militares realizavam fiscalização na última sexta-feira (16), quando encontraram a degradação de área que é de preservação permanente (APP) e protegidas por lei.

De acordo com o órgão, o proprietário construiu dois tanques de piscicultura e uma área de lazer em volta dos tanques, dentro da área protegida de matas ciliares de um córrego que corta a propriedade, tudo sem a autorização do órgão ambiental. As atividades foram interditadas.

Conforme a PMA, o infrator foi autuado administrativamente e também responderá por crime ambiental, com pena prevista de um a três anos de detenção. Ele ainda foi notificado a apresentar junto ao órgão ambiental estadual um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA).

Mais Artigos

Programação do Carnaval de Corumbá

O prefeito Marcelo Iunes lançou na noite dessa sexta-feira, 24 de janeiro, a programação oficial do Carnaval 2020 de Corumbá. O anúncio foi realizado no Centro de Convenções do